Ensinando e fazendo Missões

Buscar no blog

Nossos Esboços Recentes

CPAD Jovens – 4º Trimestre de 2018 – 25-11-2018 – Lição 8: A profecia na experiência pentecostal

20/11/2018

Esse post é assinado por Rafael Cruz

Texto do dia

Se alguém cuida ser profeta ou espiritual, reconheça que as coisas que vos escrevo são mandamentos do Senhor.

1 Coríntios 14.37

Texto bíblico

1 Coríntios 14.1-5; 26-33

1 Segui o amor e procurai com zelo os dons espirituais, mas principalmente o de profetizar.

2 Porque o que fala língua estranha não fala aos homens, senão a Deus; porque ninguém o entende, e em espírito fala de mistérios.

3 Mas o que profetiza fala aos homens para edificação, exortação e consolação.

4 O que fala língua estranha edifica-se a si mesmo, mas o que profetiza edifica a igreja.

5 E eu quero que todos vós faleis línguas estranhas; mas muito mais que profetizeis, porque o que profetiza é maior do que o que fala línguas estranhas, a não ser que também interprete, para que a igreja receba edificação.

26 Que fareis, pois, irmãos? Quando vos ajuntais, cada um de vós tem salmo, tem doutrina, tem revelação, tem língua, tem interpretação. Faça-se tudo para edificação.

27 E, se alguém falar língua estranha, faça-se isso por dois ou, quando muito, três, e por sua vez, e haja intérprete.

28 Mas, se não houver intérprete, esteja calado na igreja e fale consigo mesmo e com Deus.

29 E falem dois ou três profetas, e os outros julguem.

30 Mas, se a outro, que estiver assentado, for revelada alguma coisa, cale-se o primeiro.

31 Porque todos podereis profetizar, uns depois dos outros, para que todos aprendam e todos sejam consolados.

32 E os espíritos dos profetas estão sujeitos aos profetas.

33 Porque Deus não é Deus de confusão, senão de paz, como em todas as igrejas dos santos.

INTRODUÇÃO

A Paz do Senhor querido leitor do nosso blog!

A Bíblia não diz em lugar algum que o dom de profecia era temporário. Os verdadeiros profetas de hoje não acrescentam doutrinas novas à igreja.

O trabalho do profeta de hoje é ajudar pessoas ou comunidades com revelações de Deus especificamente para aquelas pessoas. Não acrescenta nada à palavra da Bíblia, mas ajuda a tornar mais evidente sua aplicação na vida de cada um. O profeta instrui, encoraja e consola. A profecia também pode convencer o pecador.

I – ESCLARECENDO OS TERMOS

1 – Profeta, dom ou ministério?

O termo profeta significa literalmente porta-voz (Lucas 1.70 e Êxodo 7.2-3). Se quisermos entender esse ministério, é preciso antes compreendermos a diferença entre o dom de profecia e o ofício ou ministério profético.

O dom de profecia é para todos: “Todos podereis profetizar”, 1 Coríntios 14.31. O ministério profético, não: “São todos profetas?”, 1 Coríntios 12.29.

O ministério profético é exercido através de um ministro dado por Deus à Igreja. O dom de profecia é uma capacitação sobrenatural do Espírito Santo concedida a uma pessoa do povo para transmitir a mensagem divina. No ministério profético, Deus usa principalmente a mente do profeta; no dom de profecia, Deus usa principalmente o aparelho fonador da pessoa.

O profeta é um pregador especial, com mensagem especial. Sua mensagem apela à consciência da pessoa em relação a Deus, a si própria, ao pecado e à santidade. Vemos isso nos profetas do Antigo Testamento. É só conferirmos as mensagens dos livros proféticos. No Novo Testamento, podemos ver isso em profetas como Silas (Atos 15.32) e Ágabo (Atos 21.10).

O profeta de Deus é também um intercessor diante de Deus pelos homens, pela obra etc. (Genesis 20.7). O forte do profeta de Deus é expor os padrões da justiça divina para o povo. Ele é um arauto da santidade de Deus. Com autoridade e unção divinas, está sempre a condenar o pecado (Isaias 58.1). Seu espírito ferve com isso e ele geme por isso, pois para isso foi chamado. A Igreja precisa muito desse ministério para os dias atuais.

2 – A pregação da Palavra de Deus

Não podemos confundir profecia com a pregação da palavra de Deus. Isso se torna importante pois temos visto muitos dizerem que a profecia é ‘mais ou menos’ a mesma coisa que um sermão.

Profecia não é sermão e nem aula sobre um determinado assunto. Profecia é uma mensagem que vem diretamente de Deus e dirigida especificamente para uma ou um grupo de pessoas ali presentes.

A mensagem de Deus sai da mente e da boca do profeta como chamas de fogo santo e divino. João 5.35 diz de João Batista, o profeta: “Ele era candeia que ardia”. O profeta de Deus faz o carnal estremecer, parar e considerar o seu mau e tortuoso caminho (At 24.24-25). O profeta recebe de Deus amplas revelações divinas (Ef 3.5).

A unção divina sobre o profeta costuma ser repentina. No mestre, costuma ser durativa. O forte do profeta como dom ministerial é expor os padrões de justiça divina para o povo. O profeta é um arauto da santidade de Deus. O seu espírito ferve com isso. Ele foi chamado para isso, geme por causa disso, da santidade de Deus e de tudo o que é dEle!

3 – A profecia trazida pelo Espírito Santo

Por Rafael Cruz

Para continuar lendo esse esboço CLIQUE AQUI e escolha um dos nossos planos!

É com muita alegria que nos dirigimos a você informando que a EBD Comentada já está disponibilizando os planos de assinaturas para que você possa continuar a usufruir dos nossos conteúdos com a qualidade já conhecida e garantida.

vantagens

Informamos também que conquistamos uma parceria missionária com os seguintes trabalhos evangelísticos:

  • Equipe Semear – Localizada na cidade Uberaba – MG e que realiza relevante trabalho de evangelismo na própria Uberaba e região;
  • Equipe Exército da Última Hora – Localizada na cidade de Porto Velho – RO – e que também executa o mesmo trabalho tanto na capital de Rondônia como nos arredores.

CLIQUE AQUI para ser nosso parceiro missionário e continuar estudando a lição conosco…

Deus lhe abençoe ricamente!!!

Equipe EBD Comentada

Postado por ebd-comentada


Acesse os esboços por categorias


Copyright Março 2017 © EBD Comentada