Ensinando e fazendo Missões

Buscar no blog

Nossos Esboços Recentes

CPAD Jovens – 2º Trimestre de 2019 – 05-05-2019 – Lição 5: Dízimos e ofertas como disciplina para uma vida bem-sucedida

30/04/2019

Este post é assinado por Rafael Cruz

Texto do dia

Conforme está escrito: Espalhou, deu aos pobres, a sua justiça permanece para sempre.

2 Coríntios 9.9

Texto bíblico

Gênesis 14.18-24 

18 E Melquisedeque, rei de Salém, trouxe pão e vinho; e este era sacerdote do Deus Altíssimo.

19 E abençoou-o e disse: Bendito seja Abrão do Deus Altíssimo, o Possuidor dos céus e da terra;

20 e bendito seja o Deus Altíssimo, que entregou os teus inimigos nas tuas mãos. E deu-lhe o dízimo de tudo.

21 E o rei de Sodoma disse a Abrão: Dá-me a mim as almas e a fazenda toma para ti.

22 Abrão, porém, disse ao rei de Sodoma: Levantei minha mão ao SENHOR, o Deus Altíssimo, o Possuidor dos céus e da terra,

23 e juro que, desde um fio até à correia dum sapato, não tomarei coisa alguma de tudo o que é teu; para que não digas: Eu enriqueci a Abrão;

24 salvo tão somente o que os jovens comeram e a parte que toca aos varões que comigo foram, Aner, Escol e Manre; estes que tomem a sua parte.

 

2 Coríntios 9.9,10 

9 conforme está escrito: Espalhou, deu aos pobres, a sua justiça permanece para sempre.

10 Ora, aquele que dá a semente ao que semeia e pão para comer também multiplicará a vossa sementeira e aumentará os frutos da vossa justiça;

INTRODUÇÃO

Paz do Senhor querido leitor do nosso site!

A palavra DÍZIMO quer dizer 10%, ou dez de cada cem. Significa a entrega de 10% dos 100% que Deus nos dá. O DÍZIMO é a devolução, contribuição, ato de amor e gesto de partilha. Lembrando que nós não pagamos o Dízimo; nós devolvemos o Dízimo, já que tudo o que somos e temos pertence a Deus.

E disse o Senhor: Qual é, pois, o mordomo fiel e prudente, a quem o senhor pôs sobre os seus servos, para lhes dar a tempo a ração? Bem-aventurado aquele servo a quem o seu senhor, quando vier, achar fazendo assim. Em verdade vos digo que sobre todos os seus bens o porá. Mas, se aquele servo disser em seu coração: O meu senhor, tarda em vir; e começar a espancar os criados e criadas, e a comer, e a beber, e a embriagar-se.
Virá o senhor daquele servo no dia em que o não espera, e numa hora que ele não sabe, e separá-lo-á, e lhe dará a sua parte com os infiéis. Lucas 12:42-46

Nossa vida, família, casa e bens são do Senhor e devemos administrar tudo isto vivendo intensamente para Deus com tudo o que Ele nos confiou. Parte do nosso dinheiro volta a Deus na forma de contribuições, mas o que não damos não deixa de ser d’Ele e deve ser empregado corretamente. Este é um princípio poderoso na vida do cristão e deve ser entendido e vivido antes mesmo da contribuição.

I – ABRÃO ENTREGOU O DÍZIMO A MELQUISEDEQUE PORQUE ERA DESPRENDIDO DE BENS MATERIAIS

1 – O motivo da gratidão de Abrão

Proibida a cópia parcial ou total deste material – Sujeito a penas legais – https://ebdcomentada.com 

O capítulo 14 de Genesis inicia falando de quatro reis ímpios que aterrorizavam aqueles povos cobrando abusivos impostos. Eles eram: Anrafel, rei de Sinar, Arioque, rei de Elasar, Quedorlaomer, rei de Elão, e Tidal, rei de Goim. Os povos de Sodoma, Gomorra, Admá, Zeboim e Zoar haviam sido explorados por estes reis por doze anos. Ao décimo terceiro ano os reis destas cidades decidiram resistir e não pagarem mais os impostos. Então, ao décimo quarto ano os quatro reis declararam guerra aos reis das cinco cidades, sendo estes derrotados. Eles agiram iguais aos profetas do tempo de Jeremias (Miquéias 3 : 5). Os quatro reis vitoriosos retornam aos seus países levando cativo o povo com todos os seus bens. No meio deles vai Ló, sobrinho de Abrão que habitava em uma das cidades derrotadas. Abrão tem conhecimento do ocorrido e então, treina 318 de seus empregados, nascidos em sua propriedade e empreende uma campanha para libertar Ló, que além de sobrinho era seu filho adotivo.

O exército que Abrão formou era insignificante perto do exército de quatro reinos, mas sua fé no Deus altíssimo foi o diferencial que lhe garantiu magnifica e histórica vitória. Abrão e seu pequeno exército matam os quatro reis e parte de seus exércitos pondo em fuga os demais. Vitorioso, Abrão retorna trazendo consigo a Ló, seu sobrinho e tudo o quanto lhe pertencia, bem como os despojos que foram saqueados de Sodoma e as demais cidades que consistia em mantimentos, bens e pessoas. (Gênesis 14 : 16).

E tornou a trazer todos os seus bens, e tornou a trazer também a Ló, seu irmão, e os seus bens, e também as mulheres, e o povo. Gênesis 14:16

2 – Melquisedeque, o sacerdote do Deus Altíssimo, recebe o dízimo de Abraão

Proibida a cópia parcial ou total deste material – Sujeito a penas legais – https://ebdcomentada.com

A notícia da vitória de Abrão sobre os inimigos percorreu toda a região. No retorno da batalha, Abrão entra em território que estava sob o domínio de Melquisedeque. No vale de Savé que é o vale do rei, vão ao encontro de Abrão dois reis, Bera de Sodoma e Melquisedeque de Salém. Melquisedeque além de rei da Salém era sacerdote do Deus altíssimo. Melquisedeque a encontrar-se com Abrão lhe dá Pão e vinho: “E Melquisedeque, rei de Salém, trouxe pão e vinho; e era este sacerdote do Deus Altíssimo” (Gênesis 14.18 ACF).

Moisés faz questão de enfatizar que ele era sacerdote do Deus altíssimo pelo motivo de em Canaã haver muitos sacerdotes que serviam a deuses estranhos. Como sacerdote do Deus altíssimo, Melquisedeque também tipificava a Cristo. E como uma representação de Cristo, Melquisedeque realiza uma ação profética ao dar a Abrão pão e vinho, símbolos do corpo e do sangue que o Senhor na plenitude dos tempos entregaria em favor do resgate dos homens.

E, tomando o pão, e havendo dado graças, partiu-o, e deu-lho, dizendo: Isto é o meu corpo, que por vós é dado; fazei isto em memória de mim. Semelhantemente, tomou o cálice, depois da ceia, dizendo: Este cálice é o novo testamento no meu sangue, que é derramado por vós. Lucas 22:19,20

Em seguida Melquisedeque abençoa a Abrão: “E abençoou-o, e disse: Bendito seja Abrão pelo Deus Altíssimo, o Possuidor dos céus e da terra; E bendito seja o Deus Altíssimo, que entregou os teus inimigos nas tuas mãos. E Abrão deu-lhe o dízimo de tudo” (Gênesis 14.19, 20 ACF).

Melquisedeque como figura do Senhor Jesus e um representante de Deus entre os homens, abençoa a Abrão e reconhece que a vitória de Abrão se deu mediante a intervenção divina, pois, pelos esforços meramente humanos, tal feito não seria possível.

Depois de ser abençoado, Abrão então dá o dizimo a Melquisedeque. Convém mais uma vez salientar que o dizimo dado por Abrão foi dos despojos que ele trouxe da guerra e não dos seus bens pessoais.

Considerai, pois, quão grande era este, a quem até o patriarca Abraão deu os dízimos dos despojos. Hebreus 7:4

3 – Abrão entregou o dízimo a Melquisedeque e não lhe fez falta

Por Rafael Cruz

Para continuar lendo esse esboço CLIQUE AQUI e escolha um dos nossos planos!

É com muita alegria que nos dirigimos a você informando que a EBD Comentada já está disponibilizando os planos de assinaturas para que você possa continuar a usufruir dos nossos conteúdos com a qualidade já conhecida e garantida.

vantagens

Informamos também que conquistamos uma parceria missionária com os seguintes trabalhos evangelísticos:

  • Equipe Semear – Localizada na cidade Uberaba – MG e que realiza relevante trabalho de evangelismo na própria Uberaba e região;
  • Equipe Exército da Última Hora – Localizada na cidade de Porto Velho – RO – e que também executa o mesmo trabalho tanto na capital de Rondônia como nos arredores.

CLIQUE AQUI para ser nosso parceiro missionário e continuar estudando a lição conosco…

Deus lhe abençoe ricamente!!!

Equipe EBD Comentada

Postado por ebd-comentada


Acesse os esboços por categorias


Copyright Março 2017 © EBD Comentada