Buscar esboços

Nossos Esboços

CPAD Jovens – 2º Trimestre de 2018 – 15/04/2018 – Lição 3: O fruto de um trabalho zeloso

12/04/2018

Este post é assinado por: Rafael Cruz

Texto do dia

“Assim nós, sendo-vos tão afeiçoados, de boa vontade quiséramos comunicar-vos, não somente o evangelho de Deus, mas ainda a nossa própria alma; porquanto nos éreis muito queridos.”

(1 Tessalonicenses 2.8)

Texto bíblico

1 Tessalonicenses 2.1-12

Porque vós mesmos, irmãos, bem sabeis que a nossa entrada para convosco não foi vã;

2  mas, havendo primeiro padecido e sido agravados em Filipos, como sabeis, tornamo-nos ousados em nosso Deus, para vos falar o evangelho de Deus com grande combate.

3  Porque a nossa exortação não foi com engano, nem com imundícia, nem com fraudulência;

mas, como fomos aprovados de Deus para que o evangelho nos fosse confiado, assim falamos, não como para agradar aos homens, mas a Deus, que prova o nosso coração.

5  Porque, como bem sabeis, nunca usamos de palavras lisonjeiras, nem houve um pretexto de avareza; Deus é testemunha;

6  E não buscamos glória dos homens, nem de vós, nem de outros, ainda que podíamos, como apóstolos de Cristo, ser-vos pesados;

7  antes, fomos brandos entre vós, como a ama que cria seus filhos.

8  Assim nós, sendo-vos tão afeiçoados, de boa vontade quiséramos comunicar-vos, não somente o evangelho de Deus, mas ainda a nossa própria alma; porquanto nos éreis muito queridos.

Porque bem vos lembrais, irmãos, do nosso trabalho e fadiga; pois, trabalhando noite e dia, para não sermos pesados a nenhum de vós, vos pregamos o evangelho de Deus.

10 Vós e Deus sois testemunhas de quão santa, justa e irrepreensivelmente nos houvemos para convosco, os que crestes.

11 Assim como bem sabeis de que modo vos exortávamos e consolávamos, a cada um de vós, como o pai a seus filhos,

12 para que vos conduzísseis dignamente para com Deus, que vos chama para o seu reino e glória. 

INTRODUÇÃO

Paz do Senhor querido leitor do nosso blog!

Para quem acha que a vida de Paulo, por ter todos os dons espirituais poderia ser mais fácil, é nesse capitulo 2 que nos enganamos. Paulo inicia dizendo que antes dele chegar em Tessalônica, várias afrontas, calúnias e perseguições já tinha sofrido em Filipos e com certeza essa ‘fama’ de Paulo, tinha chegado aos irmãos tessalonicenses.

E, apresentando-os aos magistrados, disseram: Estes homens, sendo judeus, perturbaram a nossa cidade, e nos expõem costumes que não nos é lícito receber nem praticar, visto que somos romanos. E a multidão se levantou unida contra eles, e os magistrados, rasgando-lhes as vestes, mandaram açoitá-los com varas. Atos 16:20-22

Mesmo perseguido se mostrou firme no propósito de anunciar o evangelho ‘custe o que custar’ para aqueles povos que precisavam de Jesus. Paulo não se intimou com as ameaças, seguiu em frente, fundou a igreja em Tessalônica e agora está vendo os frutos de um trabalho zeloso e fiel para com Deus.

É nesse capítulo que Paulo faz questão de destacar que não foi um peso para a igreja. Não permitiu que a ganância o dominasse e trabalhou noite e dia para não sobrecarregar os humildes irmãos de Tessalônica.

Ao saber que os Tessalonicenses estão enfrentando oposição, Paulo os encoraja a perseverar. Ele relata como o exemplo deles tem sido importante para o crescimento da fé, de outras igrejas e do Reino de Deus.

I- O MINISTRO COMO AQUELE QUE SERVE

1 – Aquele que cuida dos outros

Porque o Filho do homem veio salvar o que se tinha perdido. Que vos parece? Se algum homem tiver cem ovelhas, e uma delas se desgarrar, não irá pelos montes, deixando as noventa e nove, em busca da que se desgarrou? Mateus 18:11,12

O maior exemplo de pastor que temos é o nosso Senhor Jesus Cristo. Paulo sendo seu imitador, não poderia ser diferente: ele cuidava daqueles que iam sendo salvos.

Se pararmos para analisar as características do pastor de ovelhas teremos: ele exerce a sua função com excelência, zela pela vida de todas as suas ovelhas. Ele cuida do seu alimento, do seu descanso, dos seus ferimentos; ele as protege, guia e valoriza.

Jesus se declara o bom pastor. A declaração “Eu Sou” tinha um significado muito importante para os judeus do primeiro século, pois Deus havia se revelado a Moisés de forma semelhante. Ele se declara a porta do redil. O Mestre é aquele que dá a vida e acesso ao alimento espiritual, como o pastor que ficava à porta do redil, velando toda a noite, protegendo e cuidando das suas ovelhas. A noite falava de tempos de escuridão, tempos difíceis, tempos de angústias e sofrimento.

Mas os discípulos de Jesus têm a promessa de que o verdadeiro Bom Pastor estará em uma vigília eterna, à porta do seu aprisco, pronto a defender cada uma de suas ovelhas, de todo perigo. E Ele mesmo é o dono dos mais verdes campos para as pastagens, Ele tem em abundância o alimento espiritual que dá a vida eterna.

As suas palavras são o alimento para a nossa alma, pois são espírito e vida, que nutrem e fortificam o homem espiritual.

Há muitos falsos mestres, que estão interessados naquilo em que as ovelhas podem oferecer. Preocupam-se em tirar o que puderem das ovelhas. Os ladrões tiram até a vida, porém o Senhor concede vida.

O mercenário é aquele que cuida do rebanho visando apenas seus próprios interesses.

O bom pastor conhece as suas ovelhas e delas é conhecido, ou seja, há uma comunhão entre Jesus e seus servos, semelhante à comunhão entre o Pai e o Filho. 

2 – Aquele que serve mesmo com o perigo de perder a vida 

Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho. Filipenses 1:21

Jesus Cristo por diversas vezes alertou a Seus discípulos que o caminho de Deus era um caminho estreito (Mateus 7:13-14). Também alertou que o discípulo deveria levar a sua cruz e negar a si mesmo (Mateus 16:24), o que mostrava que seria uma caminhada complexa. Também disse que o mundo maligno se enfureceria contra os verdadeiros discípulos de Cristo e eles seriam perseguidos ferozmente (Marcos 13:9). Tudo isso que Jesus disse não era uma forma de desanimar os Seus discípulos, mas mostrar-lhes que eles não são deste mundo, mas que estariam neste mundo para iluminá-lo e isso incomodaria o mundo caído.

A vida de Paulo nos ensina que ser cristão não é brincadeira. Mas nos ensina também a olhar além das dores, das perseguições, das tribulações. Ensina a dependermos do Deus que nos conduz, do Deus que tem uma herança para Seus servos fieis.

Podemos citar aqui apenas situações que o apóstolo Paulo passou por causa do evangelho:

  • Teve de descer em um cesto para fugir de uma prisão arbitrária: Em 2 Coríntios 11:32-33 vemos que Paulo teve de sofrer a humilhação de ser içado por uma janela de uma muralha como se fosse um criminoso fugitivo, a fim de escapar do apetite voraz de governantes injustos que queriam a sua cabeça.
  • Foi apedrejado quase até a morte em Listra: Em Atos 14:19 vemos que Paulo foi arrastado por uma multidão para fora da cidade e foi apedrejado por essa multidão e, provavelmente, tenha desmaiado, fato este que fez a multidão achar que ele estava morto.
  • Na Macedônia foi açoitado, preso e amarrado com os pés em um tronco: Em Atos 16:23-24 vemos que Paulo foi preso porque expulsou um demônio de uma jovem adivinhadora que dava muito lucro aos que a exploravam. Por isso, foi açoitado, lançado na cadeia e teve seus pés amarrados em um tronco.
  • Em Jerusalém é acusado injustamente de ter levado um grego ao templo e, por isso, é perseguido e quase é morto: Em Atos 21:27-31 mais uma vez os judeus fazem uma grande confusão por deduzirem que Paulo teria profanado o templo levando um grego (Trófimo) até lá. Eles incitam as pessoas e Paulo é arrastado para fora do templo, espancado e quase é morto pela multidão.

A vida cristã não é brincadeira, mas também é o melhor caminho a ser trilhado. É o caminho de Deus, ainda que o mundo se levante contra esse caminho e desencoraje todos nós a segui-lo.

Por Rafael Cruz

COMUNICADO IMPORTANTE

É com muita alegria que nos dirigimos a você informando que a EBD Comentada já está disponibilizando os planos de assinaturas para que você possa continuar a usufruir dos nossos conteúdos com a qualidade já conhecida e garantida.

vantagens

Informamos também que conquistamos uma parceria missionária com os seguintes trabalhos evangelísticos:

  • Equipe Semear – Localizada na cidade Uberaba – MG e que realiza relevante trabalho de evangelismo na própria Uberaba e região;
  • Equipe Exército da Última Hora – Localizada na cidade de Porto Velho – RO – e que também executa o mesmo trabalho tanto na capital de Rondônia como nos arredores.

CLIQUE AQUI para ser nosso parceiro missionário e ainda continuar estudando a lição conosco…

Decidimos unir o Ensino com Missões e assim, alavancar recursos financeiros para contribuir com esses projetos.

Cada um de nós poderemos contribuir com o site ebdcomentada.com e com as obras de missões citadas, realizando o cadastro como assinante e escolhendo o plano que achar conveniente.

Optamos por oferecer valores acessíveis para que todos continuem a desfrutar dos nossos esboços e ao mesmo tempo AJUDAR a obra missionária, portanto a EBD Comentada, juntamente com você estará ao mesmo tempo ENSINANDO e FAZENDO MISSÕES.

Contamos com a ajuda de todos para mantermos este trabalho que tem auxiliado milhares de professores no Brasil e no mundo.

“Portanto, ide, ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo” (Mt 28.19 – ARC).

Qualquer dúvida referente aos planos ou mesmo depois de adquiri-lo, surgir algum problema, entre em contato conosco (contato@ebdcomentada.com.br)

Deus lhe abençoe ricamente!!!

CLIQUE AQUI para ser nosso parceiro missionário e ainda continuar estudando a lição conosco…

Equipe EBD Comentada


Comentários

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado


Copyright Março 2017 © EBD Comentada