Ensinando e fazendo Missões

Buscar no blog

Nossos Esboços Recentes

CPAD Jovens – 1º Trimestre de 2019 – 31-03-2019 – Lição 13: O deserto vai passar

27/03/2019

Esse post é assinado por Rafael Cruz

Texto do dia

Não to mandei eu? Esforça-te e tem bom ânimo; não pasmes, nem te espantes, porque o SENHOR, teu Deus, é contigo, por onde quer que andares. Josué 1.9

Texto bíblico

Números 32.31-33

31 E responderam os filhos de Gade e os filhos de Rúben, dizendo: O que o SENHOR falou a teus servos, isso faremos.

32 Nós passaremos, armados, perante o SENHOR à terra de Canaã e teremos a possessão de nossa herança daquém do Jordão.

33 Assim, deu-lhes Moisés, aos filhos de Gade, e aos filhos de Rúben, e à meia tribo de Manassés, filho de José, o reino de Seom, rei dos amorreus, e o reino de Ogue, rei de Basã: a terra com as suas cidades nos seus termos, as cidades do seu contorno.

Números 33.50-56

50 E falou o SENHOR a Moisés, nas campinas dos moabitas, junto ao Jordão, de Jericó, dizendo:

51 Fala aos filhos de Israel e dize-lhes: Quando houverdes passado o Jordão para a terra de Canaã,

52 lançareis fora todos os moradores da terra diante de vós e destruireis todas as suas figuras; também destruireis todas as suas imagens de fundição e desfareis todos os seus altos;

53 e tomareis a terra em possessão e nela habitareis; porquanto vos tenho dado esta terra, para possuí-la.

54 E por sortes herdareis a terra segundo as vossas famílias; aos muitos, a herança multiplicareis, e, aos poucos, a herança diminuireis; onde a sorte sair a alguém, ali a terá; segundo as tribos de vossos pais, tomareis as heranças.

55 Mas, se não lançardes fora os moradores da terra de diante de vós, então, os que deixardes ficar deles vos serão por espinhos nos vossos olhos e por aguilhões nas vossas costas e apertar-vos-ão na terra em que habitardes.

56 E será que farei a vós como pensei fazer-lhes a eles.

INTRODUÇÃO

Paz do Senhor querido leitor do nosso site!

Mais um trimestre abençoado para honra e glória do Senhor Jesus! Quantas lições ricas e preciosas para as nossas vidas. Talvez você possa extrair vários temas encontrados nas lições, mas um que fica bastante em evidência é que o pecado não pode ser negligenciado.

Por diversas vezes o povo errou e pagou o preço. Deus deu a benção, mas os pecados deles não foram negligenciados. O que fica para nós é a fé e a perseverança de continuar com Deus até o fim, crendo que esse deserto vai passar!

Nada temas das coisas que hás de padecer. Eis que o diabo lançará alguns de vós na prisão, para que sejais tentados; e tereis uma tribulação de dez dias. Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida. Apocalipse 2:10 (grifo nosso).

I – CHEGANDO AO FIM DA JORNADA

1 – A antecipação da herança

Proibida a cópia parcial ou total deste material – Sujeito a penas legais https://ebdcomentada.com

Finalmente, depois de 40 anos de peregrinação, o povo de Israel chega as portas da terra prometida, à beira da bênção, no “limiar da herança”. Bastava atravessar o Jordão, e conquistar os últimos inimigos, e a terra que mana leite e mel seria deles. Descansariam, desfrutariam das suas riquezas, e gozariam da sua abundância.

Qual não deve ter sido a surpresa de Moisés, quando os filhos de Gade e de Rúben foram até ele, e disseram que ficariam satisfeitos com as terras de Jazer e Gileade, aquém do Jordão, na Transjordânia. “Se achamos mercê aos teus olhos, dê-se esta terra em possessão aos teus servos; e não nos faças passar o Jordão” (Nm 32:5). Em outras palavras, eles estavam dizendo que estavam contentes em ficar aquém do Jordão. Estavam satisfeitos em ficar apenas às portas da terra prometida, à beira da bênção, no “limiar da herança”.

Não, não havia covardia, nem rebelião no coração deles. Não estavam com medo, como havia ocorrido no caso dos espias, há anos. Eles eram homens valentes. Em 1 Crônicas 5:18, lemos que os homens destas tribos “eram valentes e destros na guerra”. Eles estavam dispostos a guerrear para que as demais tribos tomassem posse da terra (32:16-18).

A questão de eles quererem ficar aquém do Jordão era devido o que eles tinham acumulado durante os anos no deserto. O problema, é que eles estavam comprometidos demais com o que havia adquirido no deserto. Em certo sentido, o deserto não havia sido tão ruim para eles. Haviam até prosperado no deserto.

2 – O perigo de ficar à margem de Canaã

Proibida a cópia parcial ou total deste material – Sujeito a penas legais https://ebdcomentada.com

A prosperidade, em si, não era mal, mas ela diminuiu o desejo pela terra prometida. Parece que eles não perceberam de imediato, mas o fato é que aquela decisão que estavam tomando, acomodando-se em ficar no “limiar da herança”, era uma decisão perigosa. A história posterior, revelaria os perigos de se contentar em ficar no “limiar da herança”.

Havia o risco de, com o passar dos anos, não serem mais identificados como povo de Deus, como herdeiros das promessas. Eles pressentiram este perigo, e anos depois, quando terminou a distribuição da terra, eles construíram um altar como testemunho visível do relacionamento deles com as demais tribos, como povo escolhido.

Não havia fronteiras naturais. Ficaram isolados. Seriam os primeiros a serem atacados. E isto realmente aconteceu. Foram atacados e levados cativos pelo rei da Assíria, e nunca mais voltaram, como castigo de Deus pelo pecado da idolatria (1 Crôn 5:18-26 – História das tribos transjordânicas 25-26). O restante do povo de Israel foi levado cativo, porque também cometeram iniqüidade. Mas eles foram primeiro. Por ficarem isolados, foram os primeiros a possuir a terra, mas também foram os primeiros a perdê-la. E de que lhes valeu o gado, por causa do qual preferiram ficar no “limiar da herança”?

3 – Recordando a viagem no deserto

Por Rafael Cruz

Para continuar lendo esse esboço CLIQUE AQUI e escolha um dos nossos planos!

É com muita alegria que nos dirigimos a você informando que a EBD Comentada já está disponibilizando os planos de assinaturas para que você possa continuar a usufruir dos nossos conteúdos com a qualidade já conhecida e garantida.

vantagens

Informamos também que conquistamos uma parceria missionária com os seguintes trabalhos evangelísticos:

  • Equipe Semear – Localizada na cidade Uberaba – MG e que realiza relevante trabalho de evangelismo na própria Uberaba e região;
  • Equipe Exército da Última Hora – Localizada na cidade de Porto Velho – RO – e que também executa o mesmo trabalho tanto na capital de Rondônia como nos arredores.

CLIQUE AQUI para ser nosso parceiro missionário e continuar estudando a lição conosco…

Deus lhe abençoe ricamente!!!

Equipe EBD Comentada

Postado por ebd-comentada


Acesse os esboços por categorias


Copyright Março 2017 © EBD Comentada