Ensinando e fazendo Missões

Buscar no blog

Nossos Esboços Recentes

Betel Jovens – 3º Trimestre de 2018 – 22/07/2018 – Lição 4: O nascimento do Messias

19/07/2018

Este post é assinado por Carlos Henrique Soares

Texto de Referência

Lc 2.1-12

1 Naqueles dias César Augusto publicou um decreto ordenando o recenseamento de todo o império romano.

2 Este foi o primeiro recenseamento feito quando Quirino era governador da Síria.

3 E todos iam para a sua cidade natal, a fim de alistar-se.

4 Assim, José também foi da cidade de Nazaré da Galileia para a Judéia, para Belém, cidade de Davi, porque pertencia à casa e à linhagem de Davi.

5 Ele foi a fim de alistar-se, com Maria, que lhe estava prometida em casamento e esperava um filho.

6 Enquanto estavam lá, chegou o tempo de nascer o bebê,

7 e ela deu à luz o seu primogênito. Envolveu-o em panos e o colocou numa manjedoura, porque não havia lugar para eles na hospedaria.

8 Havia pastores que estavam nos campos próximos e durante a noite tomavam conta dos seus rebanhos.

9 E aconteceu que um anjo do Senhor apareceu-lhes e a glória do Senhor resplandeceu ao redor deles; e ficaram aterrorizados.

10 Mas o anjo lhes disse: “Não tenham medo”. Estou lhes trazendo boas novas de grande alegria, que são para todo o povo:

11 Hoje, na cidade de Davi, lhes nasceu o Salvador que é Cristo, o Senhor.

12 Isto lhes servirá de sinal: encontrarão o bebê envolto em panos e deitado numa manjedoura.

VERSÍCULO DO DIA

E deu à luz o seu filho primogênito, e envolveu-o em panos, e deitou-o numa manjedoura, porque não havia lugar para eles na estalagem. Lucas 2:7

OBJETIVOS DA LIÇÃO

  • Entender a importância do nascimento de Jesus;
  • Compreender que Cristo foi gerado de forma sobrenatural;
  • Descobrir que seu nascimento foi o marco inicial da obra da redenção.

INTRODUÇÃO

Lucas é o único escritor dos Evangelhos que relaciona os acontecimentos que narra com a história mundial. Sua obra se dirigia especialmente a uma audiência grega, a que estava interessada e familiarizada com a situação política.

Palestina vivia sob o governo do Império Romano; Augusto César, o primeiro imperador romano, estava a seu cargo. As autoridades romanas consideradas deuses, erguiam-se em contraste rígido com o bebê da manjedoura, que em realidade era Deus feito carne.

“Belém-Efrata, tu és uma das menores cidades de Judá, mas do seu meio farei sair Aquele que será o Rei de Israel. Ele será descendente de uma família Que começou em tempos antigos, num passado muito distante” Mq 5:2.

Decorridos mais de dois mil anos, a trajetória da história do natal é laureada por milhares de salvos e cristãos ao redor do planeta, o histórico do personagem desta grandeza é Filho ilustre e honrado de Deus o Pai das luzes, o Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

1 – UMA GRAVIDEZ DIFERENTE

26 No sexto mês Deus enviou o anjo Gabriel a Nazaré, cidade da Galiléia,

27 a uma virgem prometida em casamento a certo homem chamado José, descendente de Davi. O nome da virgem era Maria.

28 O anjo, aproximando-se dela, disse: “Alegre-se, agraciada! O Senhor está com você”!

29 Maria ficou perturbada com essas palavras, pensando no que poderia significar esta saudação.

30 Mas o anjo lhe disse: “Não tenha medo, Maria; você foi agraciada por Deus”!

31 Você ficará grávida e dará à luz um filho, e lhe porá o nome de Jesus. Lc 1.26-31

John Charles Ryle diz que temos nestes versículos o anúncio do acontecimento mais maravilhoso que já ocorreu neste mundo, a encarnação e o nascimento de nosso Senhor Jesus Cristo.

1.1 – Diante do milagre

Hendriksen diz: “Com razão, que o ventre que guardará o maior de todos os tesouros não é o de uma princesa, mas de uma virgem comprometida a casar-se com o carpinteiro da aldeia de Nazaré, um pequeno vilarejo da Galileia, considerado por alguns com desdém”. 

“Nazaré! ” exclamou Natanael. “Pode vir alguma coisa boa de lá? ” Venha e veja você mesmo”, declarou Filipe. Jo 1.46

O anjo não é enviado a Roma, a sede do poder político. Não é enviado a Jerusalém, a sede do poder religioso. Não é enviado ao palácio, para falar aos poderosos ou aos ricos daquela época. Mas é enviado a uma jovem pobre, noiva de um homem pobre, numa cidade pobre, marcada pelo desprezo.

A cidade natal de Maria é Nazaré, com uma população de apenas algumas centenas de pessoas. Nazaré era tão obscura que nunca é mencionada no Antigo Testamento nem na lista de Josefo das 56 cidades da Galileia. Nazaré tampouco é mencionada no Talmude, que lista 63 cidades.

O noivado naquela época era a promessa solene de casamento, um compromisso que durava um ano, durante o qual a jovem desposada continuava a viver na casa de seu pai, e era tão sério como o matrimónio. Só podia ser dissolvido pelo divórcio. Se um homem morresse no intervalo desse compromisso, a jovem era considerada uma virgem viúva. Estamos entrando aqui numa das doutrinas mais sublimes e misteriosas do cristianismo, o nascimento virginal.

Larry Richards diz: que a palavra hebraica “almah”, encontrada em: “Por isso, Deus vai dar um sinal – quer vocês queiram, quer não. Uma virgem terá um filho! E ela; chamará o nenê de Emanuel ( que significa “Deus está conosco” )” Is 7.14.

Pode ser traduzida “jovem não casada”, mas essa palavra foi traduzida para o grego como “parthenos”, que só pode significar “virgem”

“Ele estava deitado em vigília pensando nisso, depois dormiu e teve um sonho e viu um anjo de pé ao seu lado. José, filho de Davi, disse o anjo, não tenha dúvidas em tomar Maria como sua esposa, pois a criança que esta no seu ventre foi concebida pelo Espírito Santo” Mt 1.20.

A “jovem não casada” da profecia devia ser interpretada como uma mulher não casada e virgem. Portanto, a concepção virginal é um dos maiores milagres das Escrituras, pois, se fosse possível criar um feto usando apenas o óvulo de uma mulher, essa criança seria uma filha, e não um filho.

Apenas um homem pode dar o cromossomo que, junto com o da mulher, torna possível o nascimento de um filho. Este cromossomo, com os outros que formaram a pessoa teantró- pica de Jesus (totalmente Deus e totalmente homem), foi dado pelo Espírito Santo.

1.2 – Profecias se cumpriram

Por Carlos Henrique Soares

Para continuar lendo CLIQUE AQUI

É com muita alegria que nos dirigimos a você informando que a EBD Comentada já está disponibilizando os planos de assinaturas para que você possa continuar a usufruir dos nossos conteúdos com a qualidade já conhecida e garantida.

vantagens

Informamos também que conquistamos uma parceria missionária com os seguintes trabalhos evangelísticos:

  • Equipe Semear – Localizada na cidade Uberaba – MG e que realiza relevante trabalho de evangelismo na própria Uberaba e região;
  • Equipe Exército da Última Hora – Localizada na cidade de Porto Velho – RO – e que também executa o mesmo trabalho tanto na capital de Rondônia como nos arredores.

CLIQUE AQUI para ser nosso parceiro missionário e continuar estudando a lição conosco…

Deus lhe abençoe ricamente!!!

Equipe EBD Comentada

Postado por ebd-comentada


Acesse os esboços por categorias


Copyright Março 2017 © EBD Comentada