Ensinando e fazendo Missões

Buscar esboços

Nossos Esboços

Betel Jovens – 2º Trimestre de 2018 – 08/04/2018 – Lição 2: Deus reconhece um adorador

06/04/2018

Este post é assinado por Jesrrael Fonseca Santos 

TEXTO DE REFERÊNCIA

1.E sucedeu depois da morte de Moisés, servo do SENHOR, que o SENHOR falou a Josué, filho de Num, servo de Moisés, dizendo:

2.Moisés, meu servo, é morto; levanta-te, pois, agora, passa este Jordão, tu e todo este povo, à terra que eu dou aos filhos de Israel.

3.Todo o lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo tenho dado, como eu disse a Moisés.

4.Desde o deserto e do Líbano, até ao grande rio, o rio Eufrates, toda a terra dos heteus, e até o grande mar para o poente do sol, será o vosso termo.

5.Ninguém te poderá resistir, todos os dias da tua vida; como fui com Moisés, assim serei contigo; não te deixarei nem te desampararei.

6.Esforça-te, e tem bom ânimo; porque tu farás a este povo herdar a terra que jurei a seus pais lhes daria.

7.Tão-somente esforça-te e tem mui bom ânimo, para teres o cuidado de fazer conforme a toda a lei que meu servo Moisés te ordenou; dela não te desvies, nem para a direita nem para a esquerda, para que prudentemente te conduzas por onde quer que andares.

8.Não se aparte da tua boca o livro desta lei; antes medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme a tudo quanto nele está escrito; porque então farás prosperar o teu caminho, e serás bem sucedido.

9.Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o Senhor teu Deus é contigo, por onde quer que andares.

Josué 1:1-9

VERSÍCULO DO DIA

Ninguém te poderá resistir, todos os dias da tua vida; como fui com Moisés, assim serei contigo; não te deixarei nem te desampararei.

Josué 1:5

OBJETIVOS DA LIÇÃO

Ao término do estudo bíblico, o aluno deverá:

  • Entender que podemos ser reconhecidos por Deus;
  • Compreender que nossa Adoração se reflete em nossa obediência;
  • Reconhecer a nossa necessidade de adoração.

INTRODUÇÃO

Nessa preciosa lição estudaremos Josué como modelo de um verdadeiro adorador. Sendo assim, nada mais natural do que começarmos com a seguinte pergunta: Quem foi Josué?

Os vislumbres que vemos dele antes da morte de Moisés estão associados a importantes eventos da história de Israel. Quando o exército de Israel precisava de um líder, Josué foi comissionado para ser o general (cf. Ex 17.8,9). Quando Deus entregou os Dez Mandamentos a Moisés no monte Sinai, Josué era o seu acompanhante (cf. Ex 24.13; 32.17). Ainda jovem, foi encarregado do Tabernáculo quando a idolatria do povo fez com que Moisés o removesse do acampamento (Ex 33.11). Josué mostrou sua lealdade à liderança quando percebeu que tal fato estava sendo ameaçado (cf. Nm 11.24 – 29). Em Cades-Barnéia Josué foi escolhido para ser o representante de sua tribo, a de Efraim (cf. Nm 13.8,16).

Josué alcançou o título de “servidor de Moisés” (cf. Ex 24.13; Js 1.1). Os termos servidor e servo são usados alternadamente em referência a Josué (cf. também Ex 33.11 e Nm 11.28). Enquanto servia como oficial comandante do exército, ele destruiu os inimigos de Israel (cf. Ex 17.13). Nos períodos em que seus irmãos se rebelaram contra Deus, Josué manteve sua fé no plano de Deus.

Depois de muitos anos de trabalho conjunto, Josué perde seu oficial superior, Moisés. Todavia, ele se manteve em contato com o Senhor, que “falou a Josué, filho de Num”.

Quando o nome “Josué” é traduzido para o grego, ele se torna “Jesus” (cf. At 7.45; Hb 4.8). Este nome significa “Salvador”. Em muitos aspectos, este “Jesus do Antigo Testamento” prefigura características do Jesus do Novo Testamento. Não foi registrado nenhum mal contra ele. Ele estava livre de todo desejo de autopromoção ou cobiça; não existe traço de egoísmo que manche a nobreza simples de seu caráter; em todas as circunstâncias ele demonstrou um desejo supremo: conhecer a vontade de Deus. Sua principal ambição era fazer a vontade divina. Josué foi um homem de coragem inabalável e perseverança invencível que mostrou profunda confiança diante das dificuldades. Suas ações imediatas lhe deram vitórias. As outras pessoas lhe deram grande honra em fun­ção da desconsideração altruísta de seus próprios interesses pessoais. Ele nunca deixou de demonstrar uma profunda preocupação pelos interesses daqueles a quem liderava.

Desse modo, na plenitude dos tempos, quando Deus precisava de um homem bem preparado, Ele escolheu Josué. O Senhor encontrou naquele homem alguém que ouviria suas instruções. Josué era alguém que cumpriria suas tarefas. Estas qualidades de caráter tão associadas à disposição de Josué são sempre aprovadas por Deus.

1 – SER RECONHECIDO

O lugar que Josué ocupara antes de ser nomeado era o de ministro de Moisés, isto é, um atendente imediato dele e um assistente nos negócios. A LXX traduz essa posição por kypourgos, um trabalhador debaixo da direção e comando de Moisés. Observe que Josué foi chamado no capítulo 1 de seu livro para uma honra para a qual tinha sido preparado por muito tempo.

Ele foi treinado debaixo de sujeição e de comando. Antes de ser reconhecido, Josué aprendeu a obedecer para depois de pronto, exercer a liderança. Josué iria suceder a Moisés e aguardou pacientemente ser reconhecido. Quando Deus o chama, ele estava profundamente familiarizado com as tarefas de Moisés, para que pudesse seguir a sua “doutrina, modo de viver, intenção, longanimidade” (2 Tm 3.10), e assim pudesse usar as mesmas medidas, caminhar no mesmo espírito, nos mesmos passos, tendo que levar adiante o mesmo trabalho. Ele era, nesse sentido, um tipo de Cristo, que pode, portanto, ser chamado de o ministro de Moisés, porque Ele nasceu sob a lei e cumpriu toda a justiça dela. 

1.1 – Um substituto a altura

Josué foi compelido a enfrentar uma responsabilidade inesperada. Moisés tinha morrido, e a tarefa continuava inacabada. O obreiro de Deus havia morrido; mas a obra de Deus tinha prosseguimento. É impossível que o mundo estanque; e prevalece a admoestação feita por Jesus:

‘Segue-me, e deixa aos mortos o sepultar os seus próprios mortos’
Mateus 8:22

Entretanto, a missão de Josué não era fácil! Guiar o povo no lugar de Moisés exigia muito de Josué!

Moisés foi chamado para um trabalho extraordinário. Ele foi um mordomo na casa de Deus, e na confiança depositada nele ele não serviu a si mesmo, mas a Deus, que havia lhe confiado esse serviço. Ele foi fiel como servo, e como um “olho” no Filho, como está sugerido em Hebreus 3.5, onde é dito que ele serviu como testemunho das coisas que se haviam de anunciar”. Deus reconhecerá seus servos naquele grande dia. Mas Moisés, embora fosse servo de Deus, e alguém que dificilmente poderia ser dispensado, está morto. Ao convocar Josué, Deus mostra aos seus servos que não há ninguém insubstituível na sua obra, Ele não está preso a nenhum ser humano. Moisés, quando termina seu trabalho como servo, morre e vai descansar do seu trabalho, e entra no gozo do seu Senhor. Observe: Deus se importa com a morte dos seus servos. Ela é preciosa aos olhos dele (SI 126.15). 

Por Jesrrael Fonseca Santos

COMUNICADO IMPORTANTE

É com muita alegria que nos dirigimos a você informando que a EBD Comentada já está disponibilizando os planos de assinaturas para que você possa continuar a usufruir dos nossos conteúdos com a qualidade já conhecida e garantida.

vantagens

Informamos também que conquistamos uma parceria missionária com os seguintes trabalhos evangelísticos:

  • Equipe Semear – Localizada na cidade Uberaba – MG e que realiza relevante trabalho de evangelismo na própria Uberaba e região;
  • Equipe Exército da Última Hora – Localizada na cidade de Porto Velho – RO – e que também executa o mesmo trabalho tanto na capital de Rondônia como nos arredores.

CLIQUE AQUI para ser nosso parceiro missionário e ainda continuar estudando a lição conosco…

Decidimos unir o Ensino com Missões e assim, alavancar recursos financeiros para contribuir com esses projetos.

Cada um de nós poderemos contribuir com o site ebdcomentada.com e com as obras de missões citadas, realizando o cadastro como assinante e escolhendo o plano que achar conveniente.

Optamos por oferecer valores acessíveis para que todos continuem a desfrutar dos nossos esboços e ao mesmo tempo AJUDAR a obra missionária, portanto a EBD Comentada, juntamente com você estará ao mesmo tempo ENSINANDO e FAZENDO MISSÕES.

Contamos com a ajuda de todos para mantermos este trabalho que tem auxiliado milhares de professores no Brasil e no mundo.

“Portanto, ide, ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo” (Mt 28.19 – ARC).

Qualquer dúvida referente aos planos ou mesmo depois de adquiri-lo, surgir algum problema, entre em contato conosco (contato@ebdcomentada.com.br)

Deus lhe abençoe ricamente!!!

Equipe EBD Comentada


Comentários

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado


Copyright Março 2017 © EBD Comentada