Ensinando e fazendo Missões

Buscar no blog

Nossos Esboços Recentes

Betel Jovens – 1º Trimestre de 2019 – 31-03-2019 – Lição 13: Igreja, a noiva amada

26/03/2019

Esse post é assinado por Carlos Henrique Soares

TEXTO DE REFERÊNCIA

24 Mas, assim como a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres o sejam em tudo a seus maridos.

25 Vós, maridos, amai a vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela,

26 a fim de santificá-la, tendo-a purificado com a lavagem da água, pela palavra,

27 para apresentá-la a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem qualquer coisa semelhante, mas santa e irrepreensível.

28 Assim devem os maridos amar a suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo.

29 Pois nunca ninguém aborreceu a sua própria carne, antes a nutre e preza, como também Cristo à igreja;

30 porque somos membros do seu corpo.

31 Por isso deixará o homem a seu pai e a sua mãe, e se unirá à sua mulher, e serão os dois uma só carne.

32 Grande é este mistério, mas eu falo em referência a Cristo e à igreja. Ef 5.24-32

VERSÍCULO DO DIA

7 Regozijemo-nos, e exultemos, e demos-lhe a glória; porque são chegadas as bodas do Cordeiro, e já a sua noiva se preparou, Ap 19.7

OBJETIVOS DA LIÇÃO

  • Entender por que Cristo compara a igreja a uma noiva;
  • Compreender que Cristo ama a sua noiva;
  • Aprender que o dia do casamento está próximo.

INTRODUÇÃO

A figura do casamento é usada frequentemente nas Escrituras para representar a relação entre Deus e o seu povo. No Velho Testamento, Deus é o marido e o povo de Israel, a mulher. No Novo Testamento, Cristo é o noivo e a igreja, a noiva. Ao compreender a riqueza desse símbolo, daremos mais importância à obediência no dia-a-dia.

A igreja é composta por todos aqueles que estão no caminho para se tornar completamente livre de todo pecado, como Jesus é.

Trata-se de uma linguagem figurada e profunda da Bíblia para exemplificar o amor e o cuidado de Deus.

1 – A NOIVA SE PREPARA

Mas enquanto elas foram o noivo chegou, e aquelas que estavam prontas, entraram com Ele para a festa de casamento, e a porta foi trancada. Mt 25.10

Enquanto as loucas se foram, o noivo chegou e a festa começou. Mais tarde as loucas retomaram, dando-se a entender que não puderam obter nenhum azeite àquela hora… “vos não conheço”. Uma declaração semelhante a Mateus 7:23 na importância.

Cristo rejeitará todo o relacionamento com pessoas que são apenas professas. Jesus chama todos os quem tem interesse Nele, mas Ele chama os que que se compromete e assume este compromisso, por isso a figura do casamento entre Cristo e a igreja.

1.1 – A noiva imaculada

“a fim de que Ele pudesse dá-la a Si mesmo como uma igreja gloriosa sem uma única mancha, ou ruga, ou qualquer outro defeito, mas sim santa e sem nenhuma imperfeição.” Ef 5.27

Não devemos entender o verbo apresentar (Grego – parastese) com o sentido de apresentação de uma oferta, mas como mera “demonstração” de que Cristo é, “ao mesmo tempo, o agente e o fim ou objetivo da apresentação”. Cristo apresenta a sua noiva a si mesmo.

É estranho que a preparação da noiva para o casamento seja fundamentalmente trabalho do Noivo. Não há embelezamento externo que a torne aceitável para Ele. Beleza é o trabalho do amor. Neste caso, o amor sacrificatório do Noivo refina a relação com a igreja até que a noiva apareça na beleza da santidade.

“gloriosa” significa “de acordo com a natureza com que Ele a dotou”, uma natureza resplandecente por seus próprios méritos.

Westcott parafraseia a expressão “sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante” por “sem um traço de corrupção ou marca de idade”.

Wesley interpreta “sem mácula” por “impureza de qualquer pecado”. Ele explica que ruga é uma “deformidade de qualquer deterioração”.

“santa e irrepreensível” é repetição do pensamento de Efésios 1.4. Este é o grande objetivo do ministério de purificação do Senhor.

Em 2 Coríntios 11.2, o apóstolo fala do seu próprio “ciúme divino” sobre a igreja para apresentá-la como “noiva pura para o marido” (RSV).

A última apresentação ocorrerá no dia final da aparição de Cristo, mas mesmo agora está ocorrendo, para que os homens vejam a maravilhosa graça de Cristo.

Nos versículos 25 a 27 de Efésios, temos “a igreja Gloriosa”. A igreja detém uma relação tripla:

a) Com o mundo, é a ecclesia (os reunidos);

b) consigo mesma, é a koinonia (comunhão);

c) com Cristo sendo seu corpo, é o kerygma (pregação).

A igreja ainda é:

1) A igreja é amada para que seja santificada, 25,26;

2) A igreja é santificada e purificada: pela lavagem da água — o batismo. Pelo sangue aplicado, conforme apresentado na Ceia do Senhor. Pela palavra. Todos estes são vitalizados e efetuados na presença do Espírito, v26.

3) A igreja é apresentada como a noiva de Cristo, submissa, gloriosa, universal e vitoriosa, v27 (G. B. Williamson).

1.2 – Noiva prudente

A volta de Cristo será repentina e inesperada, por isso devemos estar vigilantes.

Por causa da aparente demora do Noivo, muitos que já o conhece estão dispersos e agindo como se não o conhecesse! Se não houver arrependimento a tempo será um grande impedimento para aqueles que almejam a boda com o Noivo, pois não se comprometem a andar na luz. A Bíblia nos diz que o dia da salvação é hoje (2Co 6.2), portanto nos manter prudentes e obedientes à Palavra é imprescindível para entrarmos nas bodas de Cristo.

5 E, como o noivo estava demorando, elas se deitaram para descansar,

6 até à meia-noite, quando foram acordadas pelo grito: O noivo esta chegando! Saiam para recebê-lo!.

7 Todas as moças pularam e prepararam as suas lâmpadas.

8 Então as cinco que não tinham azeite nenhum pediram às outras que dividissem com elas, porque as suas lâmpadas estavam se apagando.

9 Mas as outras responderam: Nós não temos bastante. Em vez disso, vão às vendas e comprem para vocês.

10 Mas enquanto elas foram, o noivo chegou, e aquelas que estavam prontas, entraram com Ele para a festa de casamento, e a porta foi trancada. Mt 25.5-10

Na parábola das dez virgens podemos chegar à conclusão que as cinco noivas prudentes simbolizam a igreja de Cristo que tem se mantido fiel e limpa. E as cinco insensatas simboliza a igreja que não cumpre o propósito com Cristo de se manter fiel.

2 – O NOIVO AMA A SUA NOIVA

Por Carlos Henrique Soares

Para continuar lendo esse esboço CLIQUE AQUI e escolha um dos nossos planos!

É com muita alegria que nos dirigimos a você informando que a EBD Comentada já está disponibilizando os planos de assinaturas para que você possa continuar a usufruir dos nossos conteúdos com a qualidade já conhecida e garantida.

vantagens

Informamos também que conquistamos uma parceria missionária com os seguintes trabalhos evangelísticos:

  • Equipe Semear – Localizada na cidade Uberaba – MG e que realiza relevante trabalho de evangelismo na própria Uberaba e região;
  • Equipe Exército da Última Hora – Localizada na cidade de Porto Velho – RO – e que também executa o mesmo trabalho tanto na capital de Rondônia como nos arredores.

CLIQUE AQUI para ser nosso parceiro missionário e continuar estudando a lição conosco…

Deus lhe abençoe ricamente!!!

Equipe EBD Comentada

Postado por ebd-comentada


Acesse os esboços por categorias


Copyright Março 2017 © EBD Comentada